Minha foto
Uberlândia, Minas Gerais, Brazil
não deixo de lado uma cerveja e todos os prazeres etílicos. não gosto de sexismo, nem de física ou química; gosto de fotografias de crianças, mas me incomodo quando vejo um bando desses na rua, tenho tocs como a maioria. adoro o tempo nublado, detesto sol, detesto chuva, praias e verão, brigo por coisas estúpidas, sou estúpido. gosto de agradar quem eu gosto, e ás vezes, com isso, me fodo. gesticulo e às vezes falo alto, sou um pouco egocêntrico. não tenho o mínimo orgulho de ser brasileiro, e de ter nascido em patos de minas, muito menos me incomodo com isso, simplesmente não ligo. sou bobão, falo coisas que você poderia ter ido dormir hoje sem precisar ter ouvido, e olhando por esse lado devo ser meio insensível, penso. ajo por impulso. poderia viver comigo pra sempre, mas eu sempre te surpreenderia, e essa é uma das minhas únicas certezas.

quinta-feira, 30 de abril de 2009

auto dissecção

não me lembro a última vez que fiquei em casa no fim de semana, nem mesmo lembro do último fim de semana. adoro suco de abacaxi, o cheiro é tão bom, mas não deixo de lado uma cerveja, que tem um cheiro amargo e forte igual seu gosto, acho contraditório. não gosto de sexismo, nem de física ou química. me incomodo (tenho pânico) quando vejo um bando de crianças na rua, tenho tocs como a maioria. amo o tempo nublado e a chuva para dormir, detesto sol, praias e verão, brigo por coisas estúpidas, sou estúpido. nunca falo o que tenho pra dizer, minhas melhores respostas se concebem horas mais tarde de quando eu realmente deveria falar e me calei. gosto de agradar quem eu gosto, e ás vezes, com isso, me fodo. gesticulo e às vezes falo alto, sou um pouco egocêntrico. aprendi com o tempo a ter orgulho de ser brasileiro, mas não me incomodo com isso, simplesmente não ligo. sou muito relaxado e não me lembro de quase nada. só devo estar escrevendo essas coisas aqui por não ter mais nada para fazer. pensei que estava com febre, ontem lá pelas duas, estava espirrando muito. notou minha facilidade em mudar subtamente de assunto? eu sei, todos pensam isso. sou bobão, falo coisas que você poderia ter ido dormir hoje sem precisar ouvir, e olhando por esse lado devo ser meio insensível, penso. mas na maioria do tempo sou muito gentíl, ou pelo menos me esforço pra isso, o que também não é lá muito inteligente de se fazer. ajo por impulsos. poderia conviver comigo por toda vida, mas eu faria de tudo para te surpreender sempre, e essa é uma das minhas únicas certezas.
talvez eu deva investir mais nos dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário